Onde está Deus?

15jan10

Por que Deus, se de fato existe, permite tragédias como a do Haiti ou o tsunami asiático, em 2004?

Como pode um Deus amoroso e todo poderoso assistir imóvel a pessoas morrendo de fome na África ou assassinadas num acerto de contas qualquer em alguma favela na periferia de São Paulo?

Onde está Deus nisso tudo?

Talvez seja a hora de os cristãos repensarem sua concepção de Deus, de abandonar a figura do homem com superpoderes, interessado e capaz de manipular todos os pequenos movimentos individuais do Universo como peças de seu imenso quebra-cabeças cósmico.

Haveria um propósito divino por trás de cada folha que cai de uma árvore?

Os cristãos gostam de dizer que sim.

Mas, neste caso, talvez fosse coerente e necessário responsabilizar Deus pelos milhões de judeus mortos nos campos de concentração da Segunda Guerra.

Se não, seria o caso de perguntar: o que afinal Deus está fazendo enquanto assiste ao homem se autodestruir?

Talvez não nos caiba buscar explicações sobrenaturais para substituir as explicações naturais, que já existem, para fenômenos como terremotos e furacões. Ou para fenômenos socioeconômicos que geram miséria e opressão em todo o mundo.

E se o terremoto for apenas o que é: um acontecimento natural num planeta constituído de uma massa incandescente de rocha, coberta por uma fina camada de rocha solidificada, dividida em placas que se movem e se atritam entre si, sem propósito e intenção?

Talvez Deus não fique apenas assistindo tudo do alto de seu trono de majestade, mas esteja junto com o homem em todas as situações, sofrendo com ele, alegrando-se com ele, ensinando e aprendendo com ele a construir a História.

Talvez nós, que vivemos a suplicar e esperar por milagres que removam os obstáculos do caminho, sejamos Seus verdadeiros braços e pernas na Terra.

Talvez a verdadeira espiritualidade não seja aquela que busca explicações metafísicas para o mal, mas a que arregaça as mangas e faz o bem.

E a verdadeira face de Deus não seja aquela que as pessoas buscam nas igrejas, mas a do médico voluntário que deixa seu conforto e arrisca a própria vida para ajudar as pessoas no Haiti.

Talvez Deus seja a essência que há em todas as coisas – na música, na poesia, no amor, na beleza e no furor da natureza, na criança, no que há de puro, belo e humano, no nascer e no morrer, no prazer e no sofrer – à espera de alguns instantes de contemplação para que possa ser captada pelo espírito do homem.

Não tenho resposta para essas perguntas.

A crença em um Deus suficientemente poderoso para criar o Universo contradiz qualquer esforço de compreensão que pretenda encerrá-lo em um sistema hermético de pressupostos e correlações teológicas.

Deus está acima da minha capacidade de entendê-lo, o que me faz concordar com Tom Honey, um reverendo anglicano, quando diz que a mais profunda declaração religiosa de todas, a única coisa realmente precisa que se pode dizer sobre Deus é: “Eu não sei”.

Anúncios


6 Responses to “Onde está Deus?”

  1. 1 Su

    Oi, meu querido!

    Acho que Deus está presente em cada pessoa que luta pela vida naquele triste lugar. Está em cada pessoa que está lá para ajudar esse povo. Está em cada pessoa que, indiretamente, apóia a causa. Talvez a gente nunca saiba a causa dessas coisas, mas pode ter certeza de que Ele se manifesta em cada vida que se resgata dessa tragédia e nos gestos de amor e solidariedade. Isso sim é a presença de Deus. Lindo texto, viu?

    Bjooo!

  2. 2 Tatrix

    Acho que vc definiu bem: deuses são as pessoas que largam todo o conforto e vão lá ajudar os outros. Talvez Deus seja só o conceito: fazer o bem, amar o próximo e ajudar os outros.

  3. 3 Lusa

    Lendo o começo do post achei que você tinha virado ateu.

    Abraços!

  4. 4 Simone Alves

    SERÁ QUE DEUS É CULPADO ?
    Finalmente a verdade é dita na TV Americana.
    A filha de Billy Graham estava sendo entrevistada no Early Show e Jane Clayson perguntou a ela:
    ‘Como é que Deus teria permitido algo horroroso assim acontecer no dia 11 de setembro? e outras tantas coisas horriveis?
    Anne Graham deu uma resposta profunda e sábia:
    ‘Eu creio que Deus ficou profundamente triste com o que aconteceu, tanto quanto nós.
    Por muitos anos temos dito para Deus não interferir em nossas escolhas, sair do nosso governo e sair de nossas vidas.

    Sendo um cavalheiro como Deus é, eu creio que Ele calmamente nos deixou.
    Como poderemos esperar que Deus nos dê a sua benção e a sua proteção se nós exigimos que Ele não se envolva mais conosco?’

    À vista de tantos acontecimentos recentes; ataque dos terroristas, tiroteio nas escolas, etc…
    Eu creio que tudo começou desde que Madeline Murray O’hare (que foi assassinada), se queixou de que era impróprio se fazer oração nas escolas Americanas como se fazia tradicionalmente, e nós concordamos com a sua opinião.
    Depois disso, alguém disse que seria melhor também não ler mais a Bíblia nas escolas…
    A Bíblia que nos ensina que não devemos matar, roubar e devemos amar o nosso próximo como a nós mesmos. E nós concordamos com esse alguém.
    Logo depois o Dr.. Benjamin Spock disse que não deveríamos bater em nossos filhos quando eles se comportassem mal, porque suas personalidades em formação ficariam distorcidas e poderíamos prejudicar sua auto estima (o filho dele se suicidou) e nós dissemos:
    ‘Um perito nesse assunto deve saber o que está falando’.
    E então concordamos com ele.
    Depois alguém disse que os professores e diretores das escolas não deveriam disciplinar nossos filhos quando se comportassem mal.
    Então foi decidido que nenhum professor poderia disciplinar os alunos…(há diferença entre disciplinar e tocar).
    Aí, alguém sugeriu que deveríamos deixar que nossas filhas fizessem aborto, se elas assim o quisessem.
    E nós aceitamos sem ao menos questionar.
    Então foi dito que deveríamos dar aos nossos filhos tantas camisinhas, quantas eles quisessem para que eles pudessem se divertir à vontade.
    E nós dissemos: ‘Está bem!’
    Então alguém sugeriu que imprimíssemos revistas com fotografias de mulheres nuas, e disséssemos que isto é uma coisa sadia e uma apreciação natural do corpo feminino.

    E nós dissemos:
    ‘Está bem, isto é democracia, e eles tem o direito de ter liberdade de se expressar e fazer isso’.
    Depois uma outra pessoa levou isso um passo mais adiante e publicou fotos de Crianças nuas e foi mais além ainda, colocando-as à disposição da internet.

    Agora nós estamos nos perguntando porque nossos filhos não têm consciência e porque não sabem distinguir o bem e o mal, o certo e o errado;
    porque não lhes incomoda matar pessoas estranhas ou seus próprios colegas de classe ou a si próprios…
    Provavelmente, se nós analisarmos seriamente, iremos facilmente compreender:
    nós colhemos só aquilo que semeamos!!!

    Uma menina escreveu um bilhetinho para Deus:
    ‘Senhor, porque não salvaste aquela criança na escola?’
    A resposta dele:
    ‘Querida criança, não me deixam entrar nas escolas!!!’

    É triste como as pessoas simplesmente culpam a Deus e não entendem porque o mundo está indo a passos largos para o inferno.
    É triste como cremos em tudo que os Jornais e a TV dizem, mas duvidamos do que a Bíblia, ou do que a sua religião, que você diz que segue ensina.
    É triste como alguém diz:
    ‘Eu creio em Deus’.
    Mas ainda assim segue a satanás, que, por sinal,também ”Crê” em Deus.
    É engraçado como somos rápidos para julgar mas não queremos ser julgados!
    Como podemos enviar centenas de piadas pelo e-mail, e elas se espalham como fogo, mas, quando tentamos enviar algum e-mail falando de Deus, as pessoas têm medo de compartilhar e reenviá-los a outros!
    É triste ver como o material imoral, obsceno e vulgar corre livremente na internet, mas uma discussão pública a respeito de Deus é suprimida rapidamente na escola e no trabalho.

  5. 5 Jacson

    O detalhe de tudo é que quando nós tomamos de Deus a responsabilidade que é Dele nós simplesmente estamos sujeitos as consequencias que podem ser trágicas como estas que aconteceram. O homem acha que é Deus, confia mais na ciencia do que em Deus, confia mais no poder de seus braços do que em Deus eu lhe digo seja apenas um homem e deixa Deus ser DEUS. Pois assim diz a palavra porque Dele e por Ele para Ele são todas as coisas.
    Deus os abençoe hoje e sempre.

  6. Deus esta lá cuidando dos feridos consolando os que perderam a esperança por depois da tragédia só resta duas coisas desistir ou se levantar e continuar…Deus esta lá nas mãos daqueles que curam a ferida que abraçam aqueles que choram pode ter certeza a maldade quem fez foi o homem existe o livre arbitrio se Deus obrigasse o homem a ser bom iria ser um Pai de que tipo ? Você ja obrigou seu filho a fazer algo sem respeitar a opinião dele? como ele se sentiu ?


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: